Navegar no Blog Adzuna »

Como conciliar a carreira com trabalho freelancer

conciliar carreira com freelance

O trabalho freelancer, ou autônomo, é considerado cada vez mais como uma possibilidade real de carreira para muitas pessoas. Isso é resultado da instabilidade do mercado tradicional e, também, da valorização crescente do empreendedorismo pessoal e do trabalho como fonte de felicidade e satisfação. Com isso, muitos encontram na vida de freelancer a sua profissão ideal.

Enquanto isso, há também aqueles que querem ou precisam conciliar carreira com trabalho freelancer, pois atuam tanto como profissionais assalariados quanto como autônomos. Talvez você esteja organizando a vida e as finanças para sair do seu emprego formal e seguir em frente apenas como freelancer, ou queira continuar combinando as duas funções.

Seja como for, o fato é que você precisará de ferramentas para que isso dê certo. Afinal, se gerenciar uma carreira é complicado, imagine duas! Isso sem contar com a vida pessoal, os hobbies, a atividade física, as tarefas de casa, a família e, é claro, o descanso. É muita coisa mesmo, mas, com organização e garra, você dará conta de tudo e conseguirá ser bem-sucedido tanto no seu emprego quanto nas suas demandas de freelancer, conquistando uma série de benefícios. Quer saber quais são eles e como chegar lá? Então, continue a leitura e mãos à obra!

 

POR QUÊ?

renda extra

Assim como o trabalho freelancer tem muitas vantagens e atrai a atenção de profissionais que querem atuar apenas de forma autônoma, ter um emprego formal, com carteira assinada e salário fixo também tem grandes benefícios. Por isso, conciliá-los pode ser uma forma de ter o melhor dos dois mundos. Mas por que esse esforço todo vale a pena? 

Renda extra

No emprego com carteira assinada, você tem um salário fixo e acesso a benefícios que representam uma boa economia a cada mês, como vale-transporte, vale-refeição e plano de saúde. O seu salário é garantido e depende apenas que você cumpra a sua jornada de trabalho normal.

Apesar de ter certeza da entrada desse valor na sua conta todo mês, os gastos cotidianos são muitos e, além disso, é sempre bom pensar em manter uma poupança para emergências ou mesmo para a realização dos seus sonhos, como as viagens, a pós-graduação e o carro novo. Na maioria das vezes, apenas o seu salário não é o suficiente para dar conta de tudo isso sem que você chegue ao final do mês com a carteira zerada.

Uma carreira de freelancer pode te proporcionar uma renda extra que vai ajudar a sua conta bancária a ficar sempre no positivo. É importante lembrar que a renda advinda do seu trabalho freelancer é instável e demanda mais cuidado. Sem saber o valor exato que receberá por mês você nem sempre poderá contar com esse dinheiro para pagar as contas fixas. Por outro lado,o controle está nas suas mãos — se estiver mais apertado, por exemplo, poderá realizar mais trabalhos como freelancer no próximo mês.

Experiência adquirida

O trabalho freelancer pode ser a sua melhor oportunidade de atuar com aquilo que você mais ama, e naquela área em torno da qual você realmente quer construir a sua carreira profissional. Se esse é o seu caso, conciliar o trabalho autônomo com um emprego em outro campo de atuação, por exemplo, permite que você não fique totalmente isolado e inativo dentro do mercado com o qual tem mais afinidade.

O resultado é que você será um profissional mais completo, mais capaz e com diferenciais no currículo em relação aos seus concorrentes.

Exercício de qualidades importantes para o mercado de trabalho

Como freelancer, você colocará em prática uma série de habilidades altamente valorizadas pelo competitivo e exigente mercado de trabalho atual. Tratam-se de pontos que talvez você não tenha a chance de exercitar, pelo menos não de forma cotidiana, no seu emprego regular.

Enquanto trabalhador autônomo, você é o único responsável pela gestão da sua carreira. Captação de clientes, oferta de novos produtos e serviços, marketing, atendimento, enfim, tudo é responsabilidade sua. Isso exige uma alta capacidade de organização, planejamento estratégico, responsabilidade e liderança, competências cada vez mais procuradas pelo mercado de trabalho formal.

 

COMO?

organização

Assim que você identificar as razões para esse ser um caminho vantajoso e interessante, é hora de descobrir as melhores maneiras para realizar essa conciliação de forma eficiente. 

Saiba definir prioridades

Não tente abraçar o mundo todo de uma vez. Essa tática geralmente não costuma dar certo e resulta em um trabalho mal feito, tanto no seu emprego quanto nas demandas autônomas. Então, o primeiro passo é saber definir quais são as suas prioridades.

Por exemplo, imagine que a empresa onde trabalha estará oferecendo treinamentos ou está em um período de pico no movimento de atendimentos. Vale a pena planejar-se com antecedência para diminuir a quantidade de trabalhos freelancer durante esses dias ou semanas. Assim, você poderá dedicar a maior parte do seu tempo, atenção e energia para a demanda mais urgente.

Estabeleça horários para trabalhar como freelancer

Em meio à correria do dia a dia, tentar encaixar seu trabalho de freelancer nos seus momentos de folga não é uma boa ideia. Caso faça isso, logo perceberá que, na verdade, está dedicando pouco (ou mesmo nenhum!) tempo realmente produtivo para sua carreira paralela.

Portanto, é muito importante que você tente seguir, enquanto autônomo, uma disciplina semelhante àquela do seu emprego regular. Quando você se organiza para trabalhar em dias e horários fixos, transformará isso em um verdadeiro compromisso.

Trabalhar como autônomo representa uma grande liberdade e, nesse sentido, a oportunidade de fazer seus próprios horários é o que possibilita que você concilie duas carreiras paralelamente. Mas, para que isso aconteça de forma eficaz, é preciso realmente organizar esses horários.

Se você deixar para trabalhar como freelancer “quando der”, sempre haverá algo que impedirá você de colocar a mão na massa: pendências do emprego, compromissos familiares, cansaço, tarefas domésticas, consultas, academia… Quando você compromete-se a trabalhar toda noite das 20h às 22h, por exemplo, conseguirá organizar o resto da sua agenda em torno desse compromisso.

Seja realista na hora de decidir a extensão do período de tempo em que você atuará como freelancer, pois você precisa estar concentrado para trabalhar com afinco, energia e eficiência. Isso nos leva à próxima dica!

Saiba quando é hora de descansar

Depois da sua jornada regular de trabalho, você chega em casa e trabalha nas suas demandas de freelancer por horas e horas a fio, madrugada adentro. Após dormir algumas poucas horas, está de pé novamente para ir trabalhar. Identificou-se com esse cenário? Então você já deve ter percebido o quanto ele não é nada saudável ou produtivo.

Quando você prejudica seu descanso, sua alimentação, sua saúde ou seus momentos de lazer, você não terá a energia necessária para realizar seus trabalhos com a excelência de que é capaz. Com isso, uma atividade que demoraria uma hora pode tomar muito mais tempo — o que, consequentemente, levará você a comprometer ainda mais o seu descanso.

Portanto, não se deixe cair nesse ciclo vicioso. Respeite seu corpo e sua mente! Para conciliar duas carreiras, a produtividade e a boa disposição são fundamentais. Depois de uma boa noite de sono, você acordará no dia seguinte renovado (física e mentalmente) e pronto para dar conta de todos os seus compromissos e demandas.

Defina metas e mantenha o foco nelas

Uma excelente maneira de organizar a sua produção e tornar seu trabalho freelancer parte fundamental da rotina é por meio da definição de metas. Dessa forma, você terá um norte para orientá-lo e conseguirá balancear melhor essa demanda com os demais compromissos do dia a dia e do seu emprego.

Além disso, como a renda de um freelancer não é fixa, as metas ajudarão você a ter um melhor controle financeiro e, assim, não ter surpresas desagradáveis na hora de receber. As metas podem ser de valor, de tempo trabalhado ou de quantidade (3 mil palavras por dia, por exemplo).

 

Colocando as nossas dicas em prática, você conseguirá conciliar carreira e trabalho freelancer com sucesso e eficiência. Isso exige esforço e organização, mas a “dupla atuação” vai te ajudar a se tornar um profissional cada vez mais completo e capaz de atender às demandas do mercado de maneira eficaz.

 

Artigo produzido pela equipe da Comunidade Rock Content.