Navegar no Blog Adzuna »

Formato de Currículo

Quero fazer um apanhado geral sobre o formato de um currículo e para este artigo vou me limitar a CVs de profissionais que contam seu histórico profissional e acadêmico na forma de texto. (Como candidatos para as áreas de Vendas ou Contabilidade e Finanças).

Portanto, voltaremos depois para tratar de profissionais com portfolios de desenhos, ou projetos de arquitetura, etc.

Para começar, qual a importância de se escrever frases concisas em forma de bullet points (marcadores), ao invés de frases inteiras e parágrafos longos?

Imagine a pessoa que está recebendo os currículos e tem na caixa de entrada de email 20, 30, 50, 100 ou 500 currículos para avaliar em apenas algumas horas. Os CVs que estiverem em bullet points e forem direto ao ponto serão bem mais fáceis de serem lidos, pois o avaliador conseguirá apontar com mais precisão e rapidez suas qualidades e resultados e assim você se  destacará da massa.

Para se escrever de forma concisa e direta ao ponto, a dica é: leia a descrição da vaga algumas vezes, entenda o que é preciso para o cargo e equipare o que é pedido com as suas habilidades. É isso o que eles estão procurando. Tente usar até o mesmo palavreado: se pedem “experiência na área de Vendas”, escreva “20 anos de experiência na área de Vendas” e não “Trabalhei como consultor de vendas por 19 anos e 8 meses”.

Outra parte importante na arte de se fazer um bom currículo é saber valorizar e ressaltar áreas específicas do seu histórico. Isso para facilitar a leitura, mas também vender o seu peixe.

Um exemplo para facilitar a leitura: as experiências profissionais devem estar ranqueadas da experiência mais nova até a mais antiga. Se sua carreira está seguindo um sentido normal, sua experiência mais valiosa será a última e, portanto, esta deve ficar na parte de cima do se CV.

Saber ressaltar áreas específicas dependendo da vaga e empregador ou etapa da carreira é o que pode te garantir uma entrevista ou não. Por exemplo, se você tem pouca experiência profissional per se, tente ressaltar seu histórico acadêmico ou atividades extra curriculares, como línguas, viagens, cursos de informática, etc. Veja bem: a idéia não é mentir, mas ressaltar algumas qualidades mais do que outras para você se destacar da massa. Imagine que os candidatos das vagas geralmente têm o mesmo nível de experiência e portanto um estagiário não compete com um diretor, mas com pessoas que também não têm muitos anos de vida profissional.

Por último, é importantíssimo ter um estilo mais dinâmico, realçando resultados e habilidades que possam ser transferíveis para o novo trabalho. Faça isso com uma regra bem simples: comece as frases com um verbo. E, atrelado a isso, adicione métricas quando possível, para ser um comparador do seu sucesso. Por exemplo, “Gerenciou canais de mídia social e cresceu o número de Likes no Facebook de zero a 10.000”.